Filadelfo Sabino de Azevêdo (Fila)

Momentos. Florescência... vaidade é acinte... sonho é andejo... dê-lhes asas e voe

Textos

MOMENTOS (Florescência) Em si... SIM!





                                       Em si... SIM!
                                    
                                                                               Fila Sabino
  




Se, por (des)ventura, seus olhos não se (des)curam das próprias lágrimas
Engolindo, em desesperança, o (des)gosto amargo do (des)amor
Não se afogue em dó... nem se sucumba em dor
Se (des)assuma... tolere...  e mude as circunstâncias
Pois a vida é maior!

Se traduza na própria língua
E se interprete superior
Sendo mão e mais que a própria dor!

Alimente essa força na compreensão
De saber-se não ser dono de quem ama
Nem ser isso, em si, dizer pra sempre ao amor um não
Mas, em si, dizer sim a rumo novo que se toma!

Assim você, em si, se faz à frente... além
Do tudo que, em si, fê-lo indeiscente... aquém!

O amor, em si, por si só se repõe... renova... renasce
Se você o tem em liberdade... em querer... em memória!
Seja, pois, o tempo o juiz que compõe... prova... trace
O enredo do destino a cerzir-lhe uma nova história!

Diga, pois, sim à compreensão
Antes de, em si, dizer não ao coração!

Em si... SIM!
Fila Sabino Azevedo
Enviado por Fila Sabino Azevedo em 03/04/2015
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original. Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras